ENSAIO GERAL

Com duração de 60 minutos, Ensaio Geral brinca com o ambiente de um ensaio de um grupo de teatro. Discursa a partir de um apanhado de textos livremente adaptados pelo grupo, de autores como Charles Chaplin, Hilda Hilst, Caio Fernando Abreu, Carlos Drummond de Andrade e Eduardo Galeano. É elaborado a partir da composição de quadros que transitam entre si em uma degustação sonora e visual particular, discorrendo sobre as diversas perspectivas da palavra Amor.

“[…] ENSAIO GERAL é um aglomerado de trechos, de lindos textos, que por si só já dão mérito à montagem. Mas, no exercício da interpretação desses mesmos textos, no prazer, no ato poético de oferecer ao público palavras tão bem escritas […] vê-se a energia de jovens atores, envolventes, sedutores, delicados, musicais, festivos, melancólicos, irônicos, dramáticos. […] Nos gestos dominados de cada um dos atores, na musicalidade tropicalista/rock/chanchada, na dramaticidade rasgada em vários momentos, vê-se o dedo, a assinatura que não se pode confundir, a marca inegável de um diretor cuja caligrafia cênica só se afina, ajusta-se, melhora. Hugo, e seus atores, dominam as transições entre os arrebatamentos do drama rasgado e todas as delicadezas e sutilezas (o espetáculo está cheio delas), de maneira que nem percebemos quando passamos do amargo ao doce […]”

(Crítica do bailarino, coreógrafo e diretor Édi Oliveira – Cia. Dança Pequena/DF)

Ensaio Geral teve sua primeira temporada no ECCO – Espaço Cultural Contemporâneo, durante um mês e meio do ano de 2012. O espetáculo seguiu carreira através do Prêmio Myriam Muniz da Funarte (2012); do projeto Idas e Vindas do Instituto de Artes da UnB (2013); dos festivais Cena Contemporânea e Goiânia em Cena (2013); da ocupação dos espaços da Caixa Cultural de Recife e Brasília (2014/2015); do Programa de Patrocínios da BR Distribuidora e do Fundo de Apoio à Cultura da Secretaria de Estado de Cultura do DF. Tais conquistas renderam apresentações em Brasília/DF, Taguatinga/DF, Gama/DF, Palmas/TO, Goiânia/GO, Recife/PE, Salvador/BA, Vitória e Cachoeiro do Itapemirim/ES, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP.

Além disso, ainda em 2012, Ensaio Geral foi selecionado para o IX Prêmio SESC do Teatro Candango, onde recebeu o Prêmio de Melhor Trilha Sonora (Nobu Kahi, Hugo Casarisi, Carla Aguiar e Hugo Rodas) e as indicações para Melhor Ator (Flávio Café), Atriz (Camila Guerra) e Iluminação (Raquel Rosildete e Hugo Rodas).

Em mais de 90 apresentações, o espetáculo já foi aplaudido por um público superior a 10.000 pessoas.

MATERIAL DE APOIO E INFORMAÇÕES TÉCNICAS

Fotos em Alta
Release
Rider Técnico
Vídeos
Clipping